Panteão ao General  Labatut

 

O Panteão de Pirajá é uma homenagem ao General Pedro Labatut (1776?-1849), que comandou os brasileiros na Batalha de Pirajá, a principal batalha da Guerra da Independência do Brasil, iniciada na madrugada de 8 de novembro de 1822.

Esse Panteão, em estilo neoclássico, foi construído em 1914. Fica ao lado da Igreja de São Bartolomeu, do século 16, no Largo de Pirajá.

A Igreja abrigou os restos mortais do General Labatut, desde 4 de setembro de 1853, sepultado junto com outros heróis da Independência, como o brigadeiro Luis da França Pinto Garcez, Manoel Joaquim Pinto Laca, José Jaciene de Menezes e do major Francisco Lopes Jiquiriçá.

 

 

Piraja antiga

 

Panteão Piraja

 

Acima, a Igreja e o Panteão em fotografia publicada na revista Illustração Brasileira, N. 34, em junho de 1923, com texto de Miguel Calmon sobre a Guerra na Bahia pela Independência.

À esquerda, o monumento ao General Labatut, no interior do Panteão, em fotografia publicada na mesma revista, em 1923.

 

O Panteão em fotografia publicada no livro Os Monumentos e a Independência, 1973, Prefeitura de Salvador. Comparando-se com a pintura atual (foto acima), nota-se que se buscou harmonizar o conjunto arquitetônico formado com a Igreja.

 

Monumentos

 

Em evento solene, com missa campal, em 26 de julho de 1914, a Liga Bahiana de Educação Cívica transferiu o túmulo de Labatut, da Igreja para o Panteão.

Os restos mortais de Labatut encontra-se em uma urna de mármore no interior do Panteão, que também abriga a Bandeira dos Veteranos da Independência usada na Batalha de Pirajá. Sobre a urna, seu busto.

O local faz parte das comemorações do Dois de Julho, quando uma pira é acesa com a tocha que vem de Cachoeira e que segue para a Lapinha, onde começa o Desfile de Dois de Julho.

 

Panteao
General Labatut

 

O Panteão de Labatut (direita), ao lado da Igreja de São Bartolomeu, em janeiro de 2014.

 

Copyright © Guia Geográfico - Patrimônio Histórico de Salvador, Bahia.

 

 

Cidade do Salvador

Patrimônios

 

 

História Cidade Salvador